Dois envolvidos na morte do sargento da PM são presos

Dois acusados de participação na morte do sargento da Polícia Militar, Washington Nogueira, foram presos durante uma operação da Polícia Militar. As prisões ocorreram ontem (26) no Parque Florêncio, região próxima do bairro Miritiua, em São José de Ribamar.

Os envolvidos foram identificados apenas como Railson e Marclildo, vulgo “creu”. Em outra ação na manhã desta quarta-feira (27), outro suspeito, identificado como Fransoarle, o Tibiri, foi morto em confronto com a polícia. O bandido é apontado como auto do disparo que matou o sargento.
Segundo informações, Railson era o dono da bicicleta usada por Tibiri no dia do crime. Ele afirmou, em depoimento, que teria emprestado o veículo para o Marclildo.
O sargento foi executado na manhã de quarta-feira com um tiro na cabeça quando se deslocava para o trabalho, no 8º Batalhão, localizado no Araçagy.
O militar, que estava à paisana, passava em uma via que dá acesso ao bairro Miritiua, próximo da Avenida General Arthur Carvalho quando foi abordado por Tibiri.

O criminoso levou a farda e arma de fogo do militar.

Os dois presos já foram encaminhados para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas e ficarão à disposição da Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *